Portugal quer ser destino de filmes

País pretende receber produções cinematográficas para captar mais turistas.

O Governo aprovou, esta semana, a criação da Portugal Film Commission (PFC), um projecto que visa promover o país como destino de filmagens e agilizar os processos de autorização de produções cinematográficas estrangeiras em território nacional.

Segundo um comunicado do Conselho de Ministros, a PFC “vem contribuir para a divulgação nacional e internacional do Fundo de Apoio ao Turismo e ao Cinema enquanto instrumento desenhado para captar a produção cinematográfica e audiovisual para Portugal”, ao abrigo do qual já foram aprovadas 26 candidaturas, que totalizam um investimento global em Portugal de 36,6 milhões de euros.

Integrada no programa Simplex+, pretende “garantir a simplificação e agilização de procedimentos na obtenção de autorizações para filmagens em Portugal, em articulação com os diversos serviços e organismos públicos da administração central do Estado, regional e local autárquica, incluindo os serviços desconcentrados”.

Com uma duração de três anos, o grupo de PFC terá como film commissioner Manuel Claro e como diretora executiva Inês Queiroz.

Outras Notícias
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Facebook reforça transparência em anúncios políticos
Automonitor
Um Mustang preparado para o futuro?