Parecem os destroços de um navio, mas é um hotel de luxo

Parecem os destroços de um navio, mas é um hotel de luxo

A agência de viagens especializada em safaris Natural Selection abriu as primeiras instalações na Namíbia. Além de um campo no vale Hoanib, têm o Shipwreck Lodge, desenhado com a forma de um navio encalhado na praia, numa parte remota do país.

Este projecto resulta de uma joint venture entre a empresa e as companhias locais Trip Travel e Journeys Namibia, assim como as comunidades locais do parque nacional que inclui Skeleton Coast (costa do esqueleto).

Na costa do parque nacional, as dunas de areia são apenas interrompidas por três coisas: baleias mortas, colónias de leões-marinhos, e cemitérios de navios. Mais de mil, de acordo com a agência de viagens.

Agora, os visitantes podem contemplar esta beleza remota em cabanas feitas em madeira, com fornos de lenha, sofás de peles falsas, rodeados de paredes azuis, pretas e brancas. As cabanas foram feitas com materiais reciclados (madeiras, cordas, algodão e linho, nos quartos).

Os designers são locais, como a arquitecta Nina Maritz e Melanie van der Merwe, e o objectivo desta construção foi ficar em linha com os valores ecologistas. A energia, por exemplo, é de origem solar.

Como o hotel fica dentro de um parque nacional, trata-se de uma área protegida para várias espécies selvagens que os hóspedes podem ver durante os safaris, ou mesmo pela janela, como elefantes, girafas ou zebras. Também pode encontrar leões e, à beira-mar, colónias de focas e leões-marinhos.

Para os amantes de plantas, a agência de viagens também oferece visitas focadas em descobrir a flora e a vida dos insectos locais. E para quem procura um pouco de mistério, pode visitar um “cemitério” de navios.

Esta empresa trabalha com a Giraffe Conservation Foundation, organização não-governamental focada na conservação de girafas, em particular nas regiões da África Ocidental.