Ilha das Berlengas com limite máximo de visitantes

A medida deverá entrar em vigor “em meados deste mês”.

O Ministério do Ambiente enviou para publicação em Diário da República a portaria que define, pela primeira vez, um limite diário de 550 visitantes em simultâneo na ilha das Berlengas, em Peniche, disseram à Lusa operadores e fonte ministerial. A proposta, que esteve em consulta pública até Abril, deverá entrar em vigor “em meados deste mês”.

A medida de estabelecer um limite de visitantes está previsto no regulamento do Plano de Ordenamento da Reserva Natural das Berlengas desde 2008, mas nunca chegou a receber luz-verde.

Segundo a Lusa, a Associação de Operadores Marítimo-Turísticos de Peniche, que representa metade das 24 embarcações existentes, concorda com a fixação de um limite. “Houve embarcações que chegavam a fazer nove viagens por dia às Berlengas”, disse à agência o seu presidente José Manuel Fernandes, sublinhando que as novas regras vão permitir “prestar um melhor serviço e melhor preservar”.

Recorde-se que o arquipélago está classificado como Reserva Mundial da Biosfera pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura em 2011, tendo ainda o estatuto de reserva natural desde 1981 pelo Instituto de Conservação da Natureza e Florestas. . Em 1999,  foi classificado como Zona de Proteção Especial para as Aves Selvagens.

Outras Notícias
Comentários
Loading...
if false

Multipublicações

Marketeer
Automonitor